Trabalhar com educação básica é um grande desafio para o Brasil. De acordo com um estudo realizado pela Unesco, mais de 700 mil crianças em todo o país estão fora da escola primária, o que nos deixa na 88ª posição no ranking da organização, que avaliou 127 países.

Com este quadro, iniciativas que promovem educação básica de qualidade e inclusão são sempre bem vindas. Por isso que o Instituto Embraer, em parceria com a Unesp de Araraquara e da ONG Sociedade Amigos do Bairro de Santa Angelina (SABSA), trabalharam em conjunto para educar mais de 40 crianças na região de Gavião Peixoto, interior de São Paulo, desenvolvendo conhecimentos básicos, mas essenciais, como a leitura e a escrita.

“É difícil encontrar até palavras quando a gente trabalha com crianças, é muito gratificante ver o quanto que o projeto traz resultados para a vida dessas crianças”, conta Celina Garrido, psicóloga da SABSA.